Grupo de hospitalidade OCanto oferece viagens imersivas em suas três pousadas

Grupo de hospitalidade OCanto oferece viagens imersivas em suas três pousadas

Até o final do ano, o grupo OCanto oferece viagens imersivas com nomes da gastronomia, cultura, natureza, fotografia e bem-estar 
Inspirado pela diversidade dos biomas brasileiros, OCanto tem como objetivo preservar e restaurar os territórios em que está presente e criar experiências de conexão em todo país, por meio do conforto, de serviços exclusivos e de hospedagens e restaurantes de alto padrão.
Até o final do ano, o grupo oferece 10 viagens imersivas com nomes da gastronomia, cultura, natureza, fotografia e bem-estar nos três estabelecimentos que fazem parte de seu portfólio: Pousada Literária, em Paraty, Pousada Trijunção, no Cerrado, e Pousada Tutabel, em Trancoso.

Pousada Trijunção, no Cerrado – foto divulgação

Os amantes de uma boa culinária podem descobrir sabores da Mata Atlântica e do Cerrado com a chef e ativista Bel Coelho e o chef Onildo Rocha. Já quem não dispensa um bom livro pode conversar sobre literatura com Carla Madeira, autora de “Tudo é Rio”, Socorro Acioli, autora de “Ela Tem os Olhos no Céu”, e Pedro Pacífico, criador do perfil Bookster.
Os quesitos bem-estar e desenvolvimento humano são liderados por Camila Espinosa, coach de saúde e especialista em alimentação consciente; Ana Raia, coach e idealizadora do videocast “Nua”; Raissa Rossi, bailarina, criadora do método Barre Class e professora da plataforma Queima Diária; e André Sanches, triatleta, do portal Garage Training. Para se inscrever, basta acessar www.ocantodobrasil.com.br/imersoes

Pousada Literária, em Paraty – foto divulgação

 

Imersões Pousada Literária
Gastronômica: de 22 a 25/08, a partir de R$ 7.252
Fotografia de Natureza: de 16 a 19/09, a partir de
R$ 5.803
Bem-estar: de 5 a 8/12, a partir de R$ 8.054

Imersões Pousada Trijunção
Astrofotografia de Paisagem: de 1 a 4/08, a partir de R$ 10.275
Gastronômica: de 31/10 a 3/11, a partir de R$ 10.387
Literária: de 12 a 15/12, a partir de R$ 10.052

Imersões Pousada Tutabel
Gastronômica: de 15 a 18/08, a partir de R$ 7.118
“Nua”: de 3 a 6/10, a partir de R$ 10.991
Corpo & Alma: de 21 a 24/11, a partir de R$ 9.222

As belas praias e ilhas no trecho do litoral norte paulista, logo antes da divisa com o Rio de Janeiro

As belas praias e ilhas no trecho do litoral norte paulista, logo antes da divisa com o Rio de Janeiro

Com suas paisagens intocadas e refúgios rústicos, os últimos 40 km que vão da praia de Itamambuca até Picinguaba merecem a descoberta

Não é novidade para ninguém que o trecho de litoral entre São Paulo e o Rio de Janeiro, a partir da Barra do Una, é um dos mais lindos do Brasil. São paradisíacos os últimos 40 km que vão da praia de Itamambuca até Picinguaba, a 10 km da divisa com o estado do Rio.

A primeira dica para quem quer chegar nesse trecho da forma mais tranquila é descer a Serra do Mar pela rodovia Oswaldo Cruz, que já sai no limite norte de Ubatuba e que, portanto, evita toda a lentidão do trânsito pesado de Caraguatatuba até o centro de Ubatuba, que é inevitável quando se utiliza a rodovia dos Tamoios.

Logo após descer a lindíssima serra, já começa o festival de cores com a intocada Mata Atlântica verde escura que se contrapõe ao azul e ao verde claro do mar manchado apenas pelas dezenas de ilhas que acompanham a viagem. É a chamada Costa Verde e, acredite, é surreal!

O encanto começa com a praia de Itamambuca, que é deslumbrante. É o paraíso dos surfistas, mas também dos amantes da natureza, com um lindo rio indo ao encontro do mar com cores incríveis e em encostas onde é comum ver tartarugas nadando.

 

Praia de Picinguaba, no litoral norte de São Paulo – foto Shutterstock

 

A próxima é a praia do Félix (também conhecida como a praia do Lúcio) cheia de charme e beleza. De lá saem duas trilhas, uma em cada ponta da praia, que levam a outras duas pérolas desse litoral: a praia das Conchas e a incrível praia do Português, que não chega a ter 50 metros e mesmo assim é considerada uma das mais belas do litoral.

Depois dessas, quase todas as praias são acessadas apenas por trilha ou pelo mar. Eu me hospedei em Picinguaba, que é uma linda vila tombada pelo patrimônio histórico, logo antes da divisa com o Rio de Janeiro. A estradinha em mau estado que leva para a vila tem 3 km e fica a 20 km de Paraty. O lugar sedia a associação dos barqueiros que vende 100% dos ingressos para os passeios e é dali que saem os barcos levando turistas para essa baía tão fértil de ilhas. A mais procurada é a ilha das Couves, onde se encontram praias realmente especiais como a praia de Terra e a praia de Fora. Também é a ilha com a maior infraestrutura para receber os turistas.

Mais 5 minutos e chegamos a uma ilha bem maior, mas não menos encantadora, chamada ilha dos Porcos. É um passeio estonteante e o que não faltam são opções de ilhas para quem tiver tempo e gasolina para passear pela baía toda de Picinguaba. Isso sem falar das praias do continente que somente dão acesso por longas trilhas ou de barco, como a praia da Almada ou a praia do Engenho.

Na volta para Picinguaba existem boas opções de restaurantes, simples, mas de execução precisa como o Deco da Villa e o Petiscos Beira Mar, onde a proprietária prepara peixes na brasa e ótimas caçarolas de frutos do mar.

A dica final é lembrar que chove bastante no verão, dada a proximidade com a Serra do Mar, e que o ideal para curtir o sol e as cores é marcar o seu passeio entre os meses de abril e outubro. Até!

Bate e volta refrescante em cachoeiras próximas a São Paulo para quem gosta de imersão na natureza

Bate e volta refrescante em cachoeiras próximas a São Paulo para quem gosta de imersão na natureza

Cachoeiras próximas a São Paulo oferecem a dose de natureza e frescor necessária para enfrentar o calor de janeiro

Ótimas alternativas para quem gosta de imersão na natureza e de água corrente para se refrescar nesse começo de ano são as várias cachoeiras que temos a menos de uma hora de carro do calorão da selva de pedra. É o programa ideal para fazer um bate-e-volta e ainda chegar em casa com as energias renovadas.

Todos nós sabemos o poder que a água corrente tem sobre o corpo, principalmente perto de sua fonte. São mais de cem cachoeiras consideradas altas (com queda de mais de 30 metros) apenas no estado de São Paulo. 

Indico, a seguir, algumas cascatas que valem muito a pena por ordem crescente de distância do centro da capital paulista.

 

Cachoeira Véu da Noiva, no Parque Ecológico Perequê, em Cubatão – foto divulgação

 

Cachoeira do Engordador, no Parque da Cantareira, a 25 km do centro de São Paulo, tem uma trilha de nível tranquilo de 3 km. Quem procura um percurso mais intenso, pode optar pelo núcleo do Cabuçu, no mesmo parque, mas no município de Guarulhos.

Cachoeira Poço das Virgens, em Parelheiros, a 35 km da capital. Trilha tranquila, com queda pequena e poço perfeito para a família.

Cachoeira do Jamil, a 50 km de São Paulo, na confluência dos rios Monos e Capivari, está imersa em plena Mata Atlântica e conta com várias lagoas. A trilha é considerada intensa.

Cachoeira do Sagui, na estrada Engenho Marsilac, dentro da fazenda Maravilha, a 50 km da capital. O percurso é tranquilo (1,2 km), ideal para a família, tem estrutura boa e até um restaurante, que precisa de reserva antecipada.

Cachoeira do Marsilac, a mais fácil de se alcançar, já que você pode chegar de carro e a queda se encontra na área de proteção ambiental Capivari- Monos, a 55 km de São Paulo. No poço de águas calmas, é possível fazer canoagem e stand up paddle.

Cachoeira Véu da Noiva, a mais estruturada, tanto em relação à trilha de 8 km – considerada de nível leve, com vários pit stops para banho – quanto ao transporte a partir da capital. A cachoeira é o principal atrativo do Parque Ecológico do Perequê, na cidade de Cubatão. A região faz limite com o Parque Estadual da Serra do Mar e está a cerca de 65 km de São Paulo.  A Véu da Noiva tem impressionantes 80 metros de altura e conta ainda com outras cachoeiras menores pelo caminho.

Não se esqueça de levar uma mochila com água e comidas leves, como frutas e barrinhas de cereal, para comer caso a trilha seja um pouco mais longa.

Bom banho e um 2024 mais leve. Até!

Oásis sensoriais na selva de pedra proporcionam experiências que vão além do tradicional spa

Oásis sensoriais na selva de pedra proporcionam experiências que vão além do tradicional spa

Novos centros de bem-estar na capital vão além das massagens tradicionais dos spas e apresentam verdadeiras experiências integradas

Esqueça aquela ideia de que o spa é apenas um local para fazer massagem. Hoje, alguns centros de bem-estar proporcionam experiências que trabalham em sintonia mente, corpo e alma. É o caso do Sommos Spa, inaugurado este ano pela médica infectologista Tatiana Santana, que participou do desenvolvimento da vacina da Covid-19 no Instituto Butantan. 

O refúgio, localizado na zona sul de São Paulo, oferece um cuidado integral por meio de terapias holísticas orientais, gregas e indígenas que despertam os sentidos com sons – criados por uma equipe de musicoterapeutas – cores, aromas, chás e toques. “Trouxe para o projeto a ideia de um portal para essa conexão, para o resgate com a ancestralidade, com formas orgânicas e da natureza”, explica. 

 

Área de descanso do Sommos Spa – foto Edu Viana

 

A maioria das experiências começa com o ritual do escalda-pés – em que os clientes são convidados a participar do preparo escolhendo e macerando as próprias ervas – e termina com o chá preparado com os mesmos blends utilizados no tratamento. Além das tradicionais massagens e banhos, o spa traz terapias sensoriais inovadoras como flutuação, sauna infravermelha e cabine binaural (ondas sonoras). 

 

Escalda-pés do Sommos Spa – foto Edu Viana

 

Seguindo a mesma linha de medicina integrada, a clínica Awake Health, inaugurada em 2022, desenvolveu tratamentos personalizados que visam aumentar a performance física e mental. Nesse oásis no meio da cidade, você encontra médicos, nutricionistas, terapeutas, equipamentos de última geração e o Café Awake, de gastronomia funcional e orgânica. Para quem busca relaxamento, autoconhecimento e bem-estar, o local disponibiliza ainda meditação guiada, terapias energéticas, cinco técnicas de massagem – pedras quentes, Abhyanga (feita com óleos e ervas), linfática, desportiva e relaxante –, acupuntura, terapia sonora, e muito mais. 

 

Awake Health – foto divulgação

 

Outra novidade na área de wellness é o Lancôme Absolue Spa, dentro do luxuoso Palácio Tangará. Lançado em julho deste ano, é o primeiro spa da marca francesa na América Latina e disponibiliza opções exclusivas de massagens e cuidados faciais, unindo o creme Absolue L’Extrait, de sua linha premium Absolue, e o gadget Absolue Cryo Sculptor. Para quem deseja fazer mais de um procedimento, vale a pena investir nos pacotes de Day Spa, que permitem acesso às áreas de lazer do hotel, como piscinas climatizadas, banheira de hidromassagem e academia.

 

Ambiente do Lancôme Spa, no Tangará – foto divulgação

 

Sommos Spa
Rua das Rosas, 494, Mirandópolis.
Tel. 2577-9011.

Awake Health
Rua Colômbia, 271, Jardim Paulista.
Tel. 3181- 6055. 

Lancôme Absolue Spa
Rua Dep. Laércio Corte, 1501, Panamby.
Tel. 4904-4001.

Conheça o Destino Veredas, em Minas Gerais, famoso pelo museu Inhotim

Conheça o Destino Veredas, em Minas Gerais, famoso pelo museu Inhotim

A região turística de Veredas é famosa pelo Instituto Inhotim, mas vai muito além do museu. Oferece também o melhor da cultura mineira em arte, gastronomia e hotelaria

No texto “Minas Gerais”, publicado na revista “O Cruzeiro” em 1957, o escritor mineiro Guimarães Rosa faz uma declaração de amor a esse estado brasileiro. “Sobre o que, em seu território, ela ajunta de tudo, os extremos, delimita, aproxima, propõe transição, une ou mistura: no clima, na flora, na fauna, nos costumes, na geografia, lá se dão encontro, concordemente, as diferentes partes do Brasil. Seu orbe é uma pequena síntese, uma encruzilhada; pois Minas Gerais é muitas. São, pelo menos, várias Minas”. De fato, cada viagem a Minas pode ser única. Há muito para desbravar e absorver, como a tradicional culinária de dar água na boca e as muitas cidades históricas.

 

A icônica obra do artista Hélio Oiticica, exposta no Inhotim – FOTO mario gogh | Unsplash

 

Uma das grandes joias do território mineiro é o Instituto Inhotim – maior museu de arte contemporânea a céu aberto do mundo, inaugurado em 2006. Localizado entre os biomas da Mata Atlântica e do Cerrado, é também um jardim botânico belíssimo, com mais de 4 mil espécies de plantas de todos os continentes. Em seus 140 hectares de visitação, estão cerca de 700 obras de mais de 60 artistas do Brasil e do mundo, distribuídas ao ar livre e em galerias, como a de Adriana Varejão e a recém-inaugurada da artista japonesa Yayoi Kusama, ambas permanentes.

O icônico museu fica em Brumadinho, município a cerca de 60 km da capital mineira e que faz parte do Destino Veredas – uma região turística surpreendente, com natureza abundante e experiências únicas que merecem a descoberta. Por lá, é possível encontrar vários tipos de hospedagem, mas caso o desejo seja investir em um lugar mais exclusivo, no estilo boutique, a pedida ideal é a pousada Villa Rica. Imersa na natureza e com uma pegada rústica, conta com suítes e chalés aconchegantes e charmosos, perfeitos para curtir em casal ou em família. O estabelecimento preza pelos detalhes, como a mesa de café da manhã posta com pratos pintados à mão com imagens que retratam a cidade.

 

Os chalés da pousada Villa Rica – FOTO Vivian Monicci

 

Para quem ama o cheirinho de lavanda e suas propriedades terapêuticas, vale a pena tirar uma manhã para visitar a Vila da Lavanda. O refúgio fica na Serra da Moeda e conta com uma plantação dessa erva aromática, oferece atividades ao ar livre e dispõe ainda de duas opções de hospedagem – o chalé e a cabana, ambos integrados à natureza. Não deixe de se deliciar com o brunch servido no jardim, perfeito para iniciar o dia em grande estilo.

 

Brunch na Vila da Lavanda – foto Vivian Monicci

 

Também no quesito experiências gastronômicas, há outras ótimas opções em Veredas. Em São Joaquim de Bicas, o Casa do Rei Bistrô é parada obrigatória. Comandado pelo chef Reinaldo Mendes, o local serve a tradicional culinária mineira em pratos contemporâneos e oferece uma divertida degustação guiada às cegas. Igualmente recomendável é a Alquimia dos Quintais: Jantar de Drinques, com a mixologista Marcela Azevedo. Especialista em cachaça, ela prepara pratos de gastronomia molecular, infusionados com a bebida – diferente de tudo o que você já experimentou! Os apaixonados por cerveja, especialmente artesanal, devem incluir a Cervejaria Bebrum no roteiro. Além de provar os diferentes tipos de cerveja, por ali se conhece o processo de fabricação do produto.

 

Jantar de Drinques com a mixologista Marcela Azevedo – foto Vivian Monicci

 

Como a região de Veredas respira arte, é claro que não faltam experiências artísticas inesquecíveis, que são, na verdade, terapias lúdicas que ajudam a relaxar e a desconectar da correria do dia a dia. Uma delas é a “Coração em Branco”, em que você pinta um coração humano feito em biscuit pelo artista plástico Renan Florindo, em seu ateliê em Brumadinho. Outra atividade muito bacana é a Experiência Barro Contemporâneo com o Ateliê Urucum, na pousada Villa Domaso. Nela, aprende-se a trabalhar com o barro e há a possibilidade de criar um objeto único de cerâmica.

 

Experiência “Coração em Branco, com o artista Renan Florindo – foto Divulgação

 

Antes de encerrar a viagem e voltar para casa, não deixe de fazer uma parada no mirante do Parque Estadual Serra do Rola Moça, de onde avista-se Belo Horizonte e se eterniza a paisagem em belos cliques.

MECA Inhotim 2023

De 4 a 6 de agosto, acontece o festival MECA Inhotim, que conta com mais de 50 horas de programação cultural de shows, DJ sets, palestras, workshops, vivências e feira de marcas independentes, dentro do museu. No line-up musical, estão confirmadas artistas como Daniela Mercury, Adriana Calcanhotto e Luedji Luna. O passaporte para os três dias custa R$ 790.

Inhotim
Rua B, 20, Inhotim, Brumadinho.
Tel. 31 3571-9700.
Ingressos a partir de R$ 25 (entrada gratuita às quartas-feiras e no último domingo de cada mês).

Villa Rica Pousada Boutique
Rua Francisco dos Santos, 272, Palhano, Piedade do Paraopeba, Brumadinho.
Tel. 31 99519-6452.
Diárias a partir de R$ 500 (café da manhã incluso).

Receptivos oficiais
Brumatur – 31 99566-3451.
HT Happy Travel – 31 99764-8175.