Spa clínico Kurotel oferece tratamentos de qualidade reconhecida internacionalmente e gastrononomia caprichadíssima

Spa clínico Kurotel oferece tratamentos de qualidade reconhecida internacionalmente e gastrononomia caprichadíssima

A Serra Gaúcha é um lugar cheio de atrações bem peculiares – para não dizer bizarras. Lá, é possível visitar o bom velhinho em qualquer época do ano na Aldeia do Papai Noel, dá para explorar um parque que abriga um castelo medieval e dinossauros de plástico e, para encerrar o dia, jantar numa pizzaria temática inspirada em “Piratas do Caribe”. Mas nem tudo é fake em Gramado. O Kurotel, por exemplo, é uma instituição respeitada internacionalmente por sua hospitalidade e seus serviços de spa clínico, que há 40 anos atraem hóspedes do Brasil todo e de vários países vizinhos. Não por acaso, é membro da associação Healing Hotels of the World e já ganhou o prêmio de Melhor Centro Médico das Américas, concedido no World Luxury Spa Award.

 

Relax no Spa - Kurotel

Relax no Spa – Kurotel

 

O Kur tem como diferenciais seu corpo clínico multidisciplinar, sua academia equipada apenas com aparelhos de última geração da TechnoGym, seus apartamentos amplos e confortáveis e seus tratamentos que proporcionam bem-estar, saúde e longevidade. Uma combinação entre “human touch” e o “high tech”, pois não basta tecnologia sem acolhimento e um acompanhamento humanizado.

Mas o que talvez mais distingua o Kur de outros spas é a qualidade de sua comida. O café da manhã, mesmo nas dietas mais restritivas, inclui um suco, um laticínio, uma porção de fruta e alguma receita à base de ovo. Nos almoços e jantares, o cliente tem à sua escolha entradas e pratos principais como bobó de camarão, coq au vin, paella e salmão com aspargos. Tudo com tempero, com sabor. No Kur, a função da comida não é apenas abastecer as mitocôndrias e os lisossomos – as refeições são momentos de prazer e de confraternização. E dá para emagrecer bastante comendo bem.

 

Paella do Kurotell - Foto divulgação

Paella do Kurotell – Foto divulgação

 

Ao longo dessas 4 décadas de atividades, o lugar já recebeu com sua habitual excelência cerca de 45 mil clientes. Junte-se a esse grupo e agende uma temporada para mudar seus hábitos e ganhar qualidade de vida. O Kur possui planos personalizados para atender aos objetivos de seus clientes, seja emagrecimento, relax, detox, melhora da imunidade ou fortalecimento pós-covid. Os pacotes com estadia de 7 dias têm preços a partir de R$ 15.000.

Kurotel – Centro Contemporâneo de Saúde e Bem-Estar
Rua Nações Unidas, 533, Bairro Bavária, Gramado (RS), informações e reservas pelo tel. 0800 970 9800 e pelo WhatsApp 54 99121-2132.
www.kurotel.com.br

Instalado em uma praia praticamente deserta pertinho de Trancoso, o hotel Fasano leva à região o charme, a gastronomia apurada e os serviços de qualidade da rede paulistana

Instalado em uma praia praticamente deserta pertinho de Trancoso, o hotel Fasano leva à região o charme, a gastronomia apurada e os serviços de qualidade da rede paulistana

O mais novo empreendimento da rede Fasano é uma pérola encravada na praia de Itapororoca – uma faixa de areia branca emoldurada por um enorme coqueiral. Na maré baixa, piscinas com águas cristalinas se formam entre a orla e uma pequena barreira de arrecifes. Apesar de estar a apenas quatro quilômetros de Trancoso, o local é praticamente intocado e visitado por pouquíssima gente. Mesmo quando os 40 bangalôs do recém-inaugurado hotel estão ocupados, a praia continua sendo o lugar ideal para a prática do distanciamento social.

O empreendimento não interfere na paisagem – não existe nenhuma construção mais alta do que os coqueiros. Tudo foi projetado pelo arquiteto Isay Weinfeld, que privilegia os volumes e linhas horizontais. O terreno possui mais de 300 hectares, e o hotel ocupa menos de 5% da extensão total da propriedade, que em grande parte é uma área de proteção ambiental.

 

Piscina do Hotel Fasano Trancoso - Foto Daniel Pinheiro - Divulgação

Piscina do Hotel Fasano Trancoso – Foto Daniel Pinheiro – Divulgação

 

Ao redor das piscinas e ao longo de toda a faixa de 500 metros de frente para o mar, um deck de madeira com 9 mil m² liga o restaurante principal do hotel ao spa, onde são oferecidas terapias revigorantes e relaxantes, como o ritual Flor de Tiare, feito com um óleo trazido da Polinésia Francesa que atua na regeneração dos cabelos e da pele.

Os bangalôs são práticos, espaçosos e possuem equilibrado mix de sofisticação e rusticidade. A maioria tem um terraço privativo com chuveirão e espreguiçadeiras, para quem quiser tomar sol sem sair de sua área privativa.

Tudo isso tem um preço, mas aí está a surpresa agradável: as diárias e os preços nos restaurantes do hotel são bem razoáveis quando comparados aos do Quadrado de Trancoso, onde a moeda circulante é o su-real.

A diária para casal no Fasano começa na faixa dos R$ 2.470 – valor equivalente ao cobrado em pousadas de luxo da região, como a Etnia e a Casa Uxua. E uma porção para duas pessoas de moqueca de camarão – acompanhada de arroz, farofa e pirão – sai por “apenas” R$ 228. Esse é o valor que se paga por uma pizza no dolarizado Quadrado de Trancoso!

 

Hotel Fasano Trancoso - Moqueca Mista - Foto Credito Lipe Borges - Divulgação

Hotel Fasano Trancoso – Moqueca Mista – Foto Credito Lipe Borges – Divulgação

 

Mônaco: Além dos castelos e das corridas, o destino surpreende por passeios com foco na natureza e na alimentação orgânica

Mônaco: Além dos castelos e das corridas, o destino surpreende por passeios com foco na natureza e na alimentação orgânica

Para quem quer conhecer Mônaco para além dos castelos e das corridas, o destino surpreende por passeios com foco na natureza e na alimentação orgânica – mas claro, tudo com muito charme!

Se eu perguntar a você o que Mônaco tem de especial, tenho certeza de que o luxo, as curvas da Fórmula 1 e as histórias de príncipes e princesas surgirão na sua resposta. Mesmo que você nunca tenha viajado ao principado, esse é um local que habita o imaginário de muitos viajantes, porque sempre esteve nos holofotes.

Mônaco é uma escolha ímpar. Localizado no charmoso sul da França, o destino reúne os melhores hotéis do mundo, uma dezena de restaurantes com estrelas Michelin e atrações históricas, culturais e, claro, luxuosas. Só que o pequeno país também é eclético: a proximidade com a natureza e a consciência sobre o meio ambiente trouxe inspiração para projetos de sustentabilidade, que ganham cada vez mais evidência. Assim, o lugar aposta em propostas que transformam a viagem em uma experiência inteligente e acessível até mesmo para orçamentos mais modestos.

 

Foto MONTE CARLO SOCIÉTÉ DES BAINS DE MERMC | Bay Hotel & Resort

 

Um dos projetos de sucesso é a bicicleta elétrica Monabike, que pode ser alugada em diferentes pontos com tarifas a partir de 1 euro (por 30 minutos). Há 300 exemplares à disposição e, enquanto você pedala, ajuda a reduzir a emissão de gases e circula de forma fácil em rotas que incluem atrações turísticas. Há também a possibilidade de passear com carro elétrico. O Mobee é um serviço de compartilhamento no qual o automóvel é contratado por meio de um aplicativo e devolvido onde quiser. O aluguel custa a partir de 6,75 euros a hora e você pode, inclusive, percorrer a famosa curva da Fórmula 1, que fica no centro da cidade e é a mais lenta do Mundial. A bordo de um transporte sustentável se faz diversos passeios.

Em Larvotto Beach, por exemplo, está a única praia pública do principado. É claro que ela é super charmosa, com água clarinha e tem vista para parte da baía. Em Monaco-Ville, bairro mais antigo de Mônaco, e extremamente preservado, o La Condamine Market é uma feirinha de pequenos produtores locais que tem cerca de 20 pontos comerciais, com floristas e horticultores. O mercado abre diariamente, das 7h às 15h.

 

FOTO WHALE WATCHING MONACO | Observação de baleias e golfinhos

 

Nessa pegada orgânica, reserve também um tempinho para observar as diversas hortas de alimentos instaladas em modernos prédios de Monte Carlo. A ousada plantação faz parte do projeto sustentável Terrae, uma ação inteligente que desenha, desenvolve e mantém hortas no coração das cidades. Provavelmente, você encontrará muitos desses alimentos servidos nos restaurantes estrelados da região.

Para os apaixonados pela vida marinha, há duas interessantes atrações. Uma delas é a observação de baleias e golfinhos no passeio Whale Watching Monaco. A tripulação embarca rumo ao santuário de Pelagos, área protegida na costa da Riviera Francesa, e conhece baleias-piloto, golfinhos-grampo e baleias-comuns, que podem ser vistas a bordo das embarcações. E vale visitar o emblemático Museu Oceanográfico, que fica em meio a um rochedo e abriga mais de 6 mil espécies do fundo do mar.

 

Foto BVERGELY | Museu Oceanográfico

 

Indispensável e sempre impecável

Sempre vale a pena conhecer um pouco da história de Mônaco por meio das principais atrações turísticas. Além da curva da Fórmula 1, o Cassino de Monte Carlo é um clássico e um dos primeiros lugares que os turistas gostam de visitar. Localizado na Place du Casino, o prédio tem uma réplica em miniatura da Ópera Garnier e a cada temporada são encenados suntuosos espetáculos líricos. Para a diversão dos jogadores, há roleta francesa, baccarat, blackjack e poker.

DIRECTION DE LA COMMUNICATION | MICHAEL ALESI | Plage du Larvotto Juillet

DIRECTION DE LA COMMUNICATION | MICHAEL ALESI | Plage du Larvotto Juillet

 

 

O Palácio do Príncipe também merece atenção, mesmo que você queira conhecê-lo só do lado de fora. A construção é única em arquitetura e decoração, pois foi desenhada no século 16 e tem obras pintadas à mão. O Palácio é residência da família real, e está aberto de junho a outubro.

 

Foto BVERGELY | Vista da Place du Casino e do Cassino de Monte-Carlo

 

 

Os estrelados

Em Mônaco até o conceito de exclusividade vem acompanhado da palavra sustentabilidade. Mais de 2 mil quartos de hotéis têm o certificado internacional Green Globe e muitos restaurantes estrelados pelo Guia Michelin são abastecidos com legumes e verduras das hortas orgânicas do Terrae. No luxuoso Monte Carlo Bay Hotel & Resort, os visitantes se encantam pelo jardim. O hotel tem 4 hectares de área com cascatas, solários, piscina e uma lagoa turquesa. É perfeito para o descanso em família ou férias românticas, porque há suítes comuns até exclusivas com vista única (diárias a partir de 300 euros). Os amantes da gastronomia se surpreendem: o estrelado Blue Bay é especializado nas culinárias caribenha e mediterrânea.

Hôtel Hermitage - Facade © MONTE-CARLO Société des Bains de Mer

Hôtel Hermitage – Facade © MONTE-CARLO Société des Bains de Mer

 

Já o Hôtel Hermitage Monte-Carlo hospeda o restaurante Yannick Alléno. O local prepara receitas com ingredientes locais e sazonais, inspiradas na culinária mediterrânea. Além de atrair os hóspedes pelo estômago, o Hermitage é um dos hotéis mais elegantes da região. Tem estilo belle-époque e lembra um castelo. Na carta de mimos aos hóspedes estão tratamentos termais com água do mar, sauna e academia. As tarifas começam na faixa dos 440 euros.

Há ainda opções de hospedagem mais baratas. O moderno Novotel Monte-Carlo é inspirado na Riviera Francesa e fica próximo às principais atrações de Mônaco. É ideal para quem deseja ficar bem localizado. Tem restaurante, piscina ao ar livre e quartos espaçosos, com diárias que começam na casa dos 160 euros.

 

MONTE - CARLO SOCIÉTÊ DES BAINS DE MER | Restaurante Yannick Alléno

MONTE – CARLO SOCIÉTÊ DES BAINS DE MER | Restaurante Yannick Alléno

 

 

Rumo ao paraíso

A maneira mais fácil de chegar a Mônaco é a partir do aeroporto Nice Côte d’Azur International, na França. É possível sair de táxi ou carro elétrico rumo ao principado. Os trens também são opção e ligam Mônaco a diferentes cidades do sul da França e da costa italiana. Os passageiros desembarcam no centro da cidade.

Com seis restaurantes e dentro do complexo multiuso Cidade Matarazzo, Rosewood São Paulo proporciona padrão inédito de luxo

Com seis restaurantes e dentro do complexo multiuso Cidade Matarazzo, Rosewood São Paulo proporciona padrão inédito de luxo

Rosewood São Paulo traz para a região da Avenida Paulista um padrão inédito de luxo, atendimento e bem-estar, com seis operações de gastronomia

Aos poucos, o complexo multiuso Cidade Matarazzo, liderado pelo empresário francês Alexandre Allard, vai dando início a suas atividades. Na segunda metade de dezembro, por exemplo, o hotel Rosewood São Paulo recebeu seus primeiros hóspedes. Estrategicamente localizado a uma quadra da Avenida Paulista, o hotel funciona na antiga Maternidade Condessa Filomena Matarazzo, erguida no início do século passado, e em um prédio projetado pelo renomado arquiteto Jean Nouvel e pelo visionário designer Philippe Starck.

No total, são 160 quartos e 100 suítes residenciais. Das 160 acomodações do hotel, por enquanto só estão sendo disponibilizadas as 46 que ficam na antiga sede da Maternidade. A expectativa é que as suítes da moderna torre tropical sejam inauguradas ao longo deste primeiro semestre de 2022. Todos os ambientes são adornados com obras de uma coleção de arte com mais de 450 trabalhos de 57 artistas brasileiros contemporâneos.

 

Interior do bar Rabo de Galo um dos espaços gastronômicos do hotel Rosewood São Paulo, que acaba de ser inaugurado na Bela Vista | Foto Divulgação

 

Quando estiver operando com capacidade total, o hotel terá ainda uma unidade do sofisticado spa Asaya (com terapias e tratamentos alinhados com o exclusivo conceito de wellness integrado dos demais hotéis da rede Rosewood) e seis novos espaços gastronômicos: o Le Jardin (de culinária moderna em meio à exuberante vegetação da propriedade), o restaurante Blaise (de cozinha franco-suíça, como a escritora Blaise Cendrars), o Taraz (de cozinha autoral, assinada pelo estrelado chef Felipe Bronze), o bar Rabo di Galo (com pocket shows e receitas clássicas da coquetelaria brasileira), o Emerald Garden (de culinária familiar) e o Belavista Rooftop, que vai funcionar à beira da piscina, com vista panorâmica da cidade.

A Rosewood é uma empresa com sede nos Estados Unidos com operações em 15 países. Seu portfólio inclui alguns dos mais lendários hotéis e resorts do mundo, como o The Carlyle (de Nova York) e o Hôtel de Crillon (em Paris). Com a abertura do Rosewood São Paulo, a empresa visa oferecer experiências de luxo jamais vistas na capital paulista.

Há praticamente uma década em obras, o complexo Cidade Matarazzo terá, além do hotel Rosewood, um centro cultural com galerias de arte e espaço para apresentações musicais, uma fashion megastore com mais de 70 marcas exclusivas no Brasil, mais de 30 pontos de gastronomia e outras várias atrações. No decorrer de 2022, esses espaços devem ser abertos ao público.

Mini-casas do interior de SP atraem hóspedes para uma experiência de minimalismo em meio à natureza

Mini-casas do interior de SP atraem hóspedes para uma experiência de minimalismo em meio à natureza

A pandemia acentuou o desejo de muitas pessoas por uma vida mais enxuta e autossuficiente. Não surpreende que, nos últimos dois anos, os olhos do mundo tenham se voltado a projetos arquitetônicos que seguem à risca a máxima de que “menos é mais”. É esse o caso das chamadas “tiny houses” (em português, “casas minúsculas”/”mini-casas”).

Com menos de 40 m² de área útil e cômodos integrados, essas habitações se erguem a partir de soluções econômicas e sustentáveis. Compactas, geram menos despesas para os donos e menos resíduos para o meio ambiente – e, não por acaso, já são febre em países como Estados Unidos, Canadá, Austrália e Nova Zelândia. No Brasil, ainda é difícil conseguir autorização legal para construir e morar em uma tiny houses, mas já é possível experimentar alguns momentos nesses mini-mundos em hospedagens sedutoras no interior paulista.

 

Faixada da Holy House - Foto divulgação

Faixada da Holy House – Foto divulgação

 

A apenas 40 minutos de Campinas, a Holy House, em Jundiaí, parece uma casa de bonecas. Artesanalmente construído com materiais encontrados na natureza, o local tem design rústico inspirado nas habitações místicas dos “hobbits” – personagens da série literária de ficção “O Senhor dos Anéis”, de J. R. R. Tolkien – e pode ser alugado por meio da plataforma Airbnb, para estadia de até duas pessoas. Além de banheiro, cozinha e um mini-escritório com wi-fi, a cabana conta com cama queen size, lareira e ofurô. Na área externa, os hóspedes podem assistir ao pôr-do-sol de um charmoso deque de madeira com vista para a Serra do Japi, ou aproveitar a noite sendo aquecidos por um fogo de chão.

 

Interior da mini-casa/ Holy House - Foto divulgação

Interior da Holy House – Foto divulgação

 

Já na Cabana da Bolha, no município de Araçoiaba da Serra (a 107 km de Campinas), o minimalismo é aliado ao glamour de uma vista panorâmica das estrelas. O espaço faz parte do complexo Cabana Home, hub de hospedagem comandado pelo ator paulistano Felipe Titto, e o primeiro do Brasil a investir no conceito de “camping de luxo”. Lá, os visitantes dormem e acordam sob a imensidão do céu interiorano, dentro de uma semiesfera de vinil 100% transparente estrategicamente posicionada no meio da Mata Atlântica. A estrutura do local ainda inclui banheira ao ar livre com água de mina, fogão à lenha e TV com acesso a plataformas de streaming.

 

Cabana da Bolha - Foto divulgação

Cabana da Bolha – Foto divulgação

 

Holy House
Diária: R$ 1.124
Reservas e consulta de endereço e disponibilidade no Instagram @holyhousebrazil

Cabana da Bolha
Estrada Dr Celso Charuri Jundiaquara – Araçoiaba da Serra/SP
Diária: R$2.400 (disponíveis a partir de fevereiro de 2022)
Reservas pelo Whatsapp 15 99720-4016