fbpx
logo
logo

Villa Paranaguá é um hotel boutique com charme francês em Santa Teresa

por | jun 23, 2021 | Hospedagem, Turismo | 0 Comentários

Instalado em um casarão histórico que pertenceu à Tônia Carrero, o Villa Paranaguá tem apenas dez amplas e exclusivas suítes.

Hospedar-se em Santa Teresa durante uma visita ao Rio é uma boa pedida não só para quem quiser ficar um pouco afastado da badalação e do agito da Zona Sul. É também uma alternativa para quiser uma opção mais intimista, menos impessoal e mais próxima do Centro. Isso mesmo, Santa Teresa fica a um pulinho da Cinelândia, da sede da Petrobras, do Porto Maravilha e do Aeroporto Santos Dumont.

 

Piscina do hotel - Foto: Divulgação
  • Save

Piscina do hotel – Foto: Divulgação

 

Inaugurada meses antes da pandemia, a Villa Paranaguá Hotel Boutique & Spa é um excelente refúgio para quem busca conforto, paz, exclusividade e muito charme em Santa Teresa. São apenas nove amplas suítes – todas com varanda – distribuídas por um casarão histórico que já pertenceu à diva do teatro e do cinema Tônia Carrero, erguido em um terreno com 4.000 metros quadrados.

Em anexo à casa principal, o Le Pavillon é um aprazível apartamento que completa as opções de acomodação. Todos os cômodos do hotel são decorados com peças e móveis assinados por grandes designers, como o brasileiro Sérgio Rodrigues, o norte-americano Warren Platner e os franceses Le Corbusier e Philippe Starck. Na área externa, com direito a vista para o Pão de Açúcar, ficam a convidativa piscina e o pequeno spa, para o hóspede relaxar ainda mais.

 

Área interna do hotel - Foto: Divulgação
  • Save

Área interna do hotel – Foto: Divulgação

 

O restaurante serve deliciosas crepes, omeletes e sucos de frutas no café da manhã e pratos mais elaborados no almoço e no jantar, como o risoto de abóbora com queijo de cabra, a cocotte de lulinhas à provençal ou ainda steak & frites com molho de roquefort.

Tudo na Villa Paranaguá tem um toque francês, e isso não acontece por acaso. O hotel surgiu por iniciativa dos parisienses Pierre e Marie Beuscher, que compraram o imóvel em 2013 e o converteram em um hotel com ajuda do filho Joachim e de sua esposa, a brasileira Laís Vertis. O casarão é também o cenário ideal para a realização de um miniwedding e para reuniões corporativas. É possível fechar o hotel para grupos que reservarem um mínimo de cinco quartos por duas diárias – um buyout sem a necessidade de ocupar todas as dez suítes.

 

Quarto do hotel - Foto: Divulgação
  • Save

Quarto do hotel – Foto: Divulgação

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share via
Copy link
Powered by Social Snap