fbpx
logo
logo

Hotéis do Rio de Janeiro apostam nos serviços de room e resort-office

por | abr 26, 2021 | Hospedagem, Turismo | 0 Comentários

O sonho de ter um escritório na praia com uma linda vista nunca esteve tão ao alcance dos cariocas. Após meses de isolamento social, o home office já é parte da rotina de mais de 7 milhões de brasileiros, segundo dados do IBGE. De olho nessa tendência, muitos hotéis do Rio de Janeiro uniram o útil ao agradável para dar um novo uso aos quartos que ficaram vazios na pandemia. Equipados com wi-fi potente e conforto, os serviços de room e resort-office têm atraído turistas locais que desejam fugir da mesmice e trabalhar em novos ares.

A premissa é simples: as camas dão lugar a mesas de escritório e os dormitórios viram salas de reunião. É assim que tem funcionado nos hotéis da rede Accor desde janeiro. Andares inteiros de apartamentos foram adaptados para receber o público executivo. “Ainda oferecemos descontos no consumo de alimentos e bebidas e um valor diferenciado na utilização do estacionamento para as empresas que se conveniarem ao hotel”, comenta Omar Cáffaros, Diretor Regional de Operações Midscale e Econômico do grupo.

 

Deluxe One-Bedroom Suite do Belmont Copacabana Palace, equipada com mesa de escritório - Foto Edgardo Contreras
  • Save

Deluxe One-Bedroom Suite do Belmont Copacabana Palace, equipada com mesa de escritório – Foto Edgardo Contreras

 

Para quem quer aliar o turismo às atividades profissionais, uma opção é o ilustre Copacabana Palace. O cartão-postal da capital fluminense criou pacotes especiais para o novo público de hóspedes locais que cresce com a pandemia. Quem optar pela oferta long stay usufrui de sete diárias com tarifas diferenciadas e até um jantar cortesia na última noite. “Todos os nossos quartos possuem estação de trabalho para o hóspede seguir sua rotina profissional. E para quem prefere estar ao ar livre, espaço é o que não falta nas nossas áreas comuns”, conta Ulisses Marreiros, gerente geral do hotel.

Já na região serrana, a aposta do resort Le Canton é outra. A inovação vem para o público infantil e promete trazer diversão e aprendizado ao isolamento familiar. Enquanto os pais aproveitam os espaços de home office, as crianças recebem acompanhamento pedagógico em uma sala com computadores, internet e material escolar higienizado. “Elas podem assistir às aulas online e fazer dever de casa, sempre com acompanhamento de uma professora para tirar dúvidas e auxiliar no uso da tecnologia”, explica Mônica Paixão, diretora geral do Le Canton.

Foi graças a esse serviço que o resort localizado em Teresópolis driblou a crise do setor e terminou 2020 com resultados positivos. “Desde que lançamos o home school, houve um aumento de 30% a 40% na ocupação durante os dias de semana”, aponta. Quanto ao futuro, Paixão acredita que o anywhere-office é uma tendência que persistirá após a pandemia. “Nós percebemos que não precisamos ficar presos em escritórios ou em casa e que a performance pode ser muito melhor de forma híbrida, ainda mais se podemos estar com a família”, finaliza.

 

 

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share via
Copy link
Powered by Social Snap