fbpx
logo
logo

Presidente do Meio & Mensagem, Marcelo Salles Gomes, analisa a transformação da comunicação

por | abr 30, 2021 | Entrevista, Pessoas & Ideias | 0 Comentários

Mais de quarenta anos após sua fundação, a empresa de mídia Meio & Mensagem segue fiel ao propósito original de gerar e compartilhar conhecimento para o desenvolvimento da indústria da comunicação no país. De lá para cá, a tecnologia mudou não só a forma de se comunicar, mas consequentemente como as marcas fazem publicidade e vendem seus produtos. Nas últimas décadas, a evolução dos negócios da propaganda foi intensa e agora é acelerada pela pandemia. No centro dessa transformação do jornal e com os olhos e ouvidos atentos aos novos negócios está o atual presidente do veículo, Marcelo Salles Gomes.

 

Foto divulgação
  • Save

Foto divulgação

 

“O Meio & Mensagem tem a capacidade de ocupar um espaço e sempre acreditou nisso”, conta. Marcelo lembra que, na década de 1980, a economia brasileira era mais fechada à inovação, e faltavam referências empresariais que falassem sobre criatividade e mídia. “Nosso primeiro evento foi em 1980, o prêmio Caboré, que destaca profissionais da indústria de comunicação, e em 1986 realizamos o Encontro de Criatividade e Mídia, algo então inédito sobre conteúdo, com palestrantes internacionais.”

 

Marcelo Salles Gomes premiando profissionais da comunicação com o troféu Caboré. - Foto Divulgação
  • Save

Marcelo Salles Gomes premiando profissionais da comunicação com o troféu Caboré. – Foto Divulgação

 

Formado em Administração de Empresas pela Fundação Getúlio Vargas (FGV) com MBA em Marketing na Michigan State University, nos Estados Unidos, Marcelo presenciou em sua formação acadêmica a digitalização sem volta que estava por vir nos negócios da propaganda. “Lembro de ter o primeiro contato com email na universidade nos EUA, quando isso ainda não era uma realidade no Brasil, no início dos anos 1990, voltei e acabei sendo porta-voz do que a tecnologia já representava lá fora”, recorda.

Depois de estágios em agências, como a Almap, e em veículos, como a Editora Abril e a MTV, Salles Gomes assumiu a criação do site do Meio & Mensagem e criou a área de Marketing da empresa. Antes da vice-presidência executiva, que exerceu por 12 anos, foi diretor de Marketing e de núcleo digital da companhia. Em janeiro deste ano, assumiu a presidência, o que representa os esforços do veículo em colocar como estratégia central algo que antes era visto como futuro. “Somos uma empresa de mídia multiplataforma, a comunicação hoje é composta por peças que formam o todo, é necessário entender cada rede e pensar como a narrativa de uma propaganda, por exemplo, vai ser aplicada nesses formatos.”

 

Marcelo no evento Proxxima, realizado pelo Meio e Mensagem, que discute marketing e comunicação digital no Brasil - Foto Divulgação
  • Save

Marcelo no evento Proxxima, realizado pelo Meio e Mensagem, que discute marketing e comunicação digital no Brasil – Foto Divulgação

 

 Novos territórios

A intensa digitalização da comunicação impõe um desafio para as empresas de como se manter relevante. “As marcas entendem o território e propósito que ocupam, mais do que nunca precisam compreender o que representam, utilizando os canais disponíveis, que estão em constante ampliação e adaptação, como as redes sociais que já são entre si diferentes, onde as pessoas consomem conteúdo de forma diversa.”

O processo de fragmentação das mídias tradicionais também acompanha o fenômeno digital. “Um exemplo é a mídia Out Of Home (OOH) – conhecida pelo público como painéis e banners nas ruas, shoppings, aeroportos e estações de metrô – é excelente como veículo que inicia a conversa com a audiência, é um meio estratégico para qualquer marca se apresentar ao público, atualmente as narrativas da propaganda podem começar em um formato e se desenrolar em outro”, analisa. Para o presidente do Meio & Mensagem, no passado a marca tinha o controle de como sua jornada iria ser recebida, hoje é a audiência que se engaja com o melhor formato que encontra para si.

Em meio a esse cenário, a pandemia do coronavírus também desencadeou no mundo uma aceleração radical de novos negócios digitais. “Demos um salto em uma direção que a indústria já caminhava, pulamos 5 anos em 1”, reflete. Presencia-se a intensificação do e-commerce e de estratégias inovadoras de atendimento ao consumidor, projetos que as empresas já vislumbravam, mas agora colocam em prática. “É a era de ouro para o marketing, pois é o setor central para qualquer empresa, é o CEO da nova era, já que é quem tem a compreensão da demanda do consumidor, que por sua vez está de volta ao início do desenvolvimento de um produto”, finaliza.

 

O empresário no Maximídia, que também conta com a realização do veículo - Foto divulgação
  • Save

O empresário no Maximídia, que também conta com a realização do veículo – Foto divulgação

 

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share via
Copy link
Powered by Social Snap