Um dos grandes expoentes da arte têxtil internacional, Rodrigo Franzão volta ao Brasil para duas exposições em São Paulo

por | jul 14, 2022 | Cultura, Exposições | 0 Comentários

Nas telas, esculturas e instalações artísticas criadas por Rodrigo Franzão, diferentes geometrias e texturas se equilibram em um mosaico de cores repleto de significado. “Minhas produções são recortes dos sentimentos que experimento”, explica o artista plástico, nascido em São Paulo, radicado na cidade goiana de Abadiânia, e representado internacionalmente pela estadunidense Jillian Mac Fine Art – mesma galeria que, ainda hoje, assessora a pintora francesa Françoise Gilot, viúva de Pablo Picasso.

Inspirado pelo abstracionismo geométrico e por técnicas do construtivismo russo, Franzão é um dos principais nomes da arte têxtil mundial. Não à toa, suas produções – criadas a partir de materiais do cotidiano, como retalhos de tecido, papelões e fios de cobre – estampam os catálogos de galerias em Nova York, Londres, Berlim, Lisboa, e, a partir de fins de julho, passam a adornar os charmosos cômodos do Instituto Italiano de Cultura, na zona oeste de São Paulo. Na exposição temporária “Amazônia: Riqueza da Natureza Selvagem”, o artista traduz imagens da fauna e da flora nacionais em telas que reverenciam os biomas brasileiros.

Rodrigo Franzão em seu ateliê e obras expostas em Nova Orleans | Foto Divulgação

Rodrigo Franzão em seu ateliê e obras expostas em Nova Orleans | Foto Divulgação

 

“Após anos expondo meus trabalhos no exterior, voltar os olhos para a minha raiz é um presente”, conta o artista, que, para o segundo semestre, também planeja uma mostra inédita na icônica Casa de Vidro Lina Bo Bardi, símbolo arquitetônico da capital paulista. “Ainda estamos fechando datas e títulos, mas tudo indica que será uma das maiores intervenções da minha carreira.”

 

Tela “Happiness” (2021) | Foto Divulgação

 

As peças que integrarão as mostras ainda estão sendo elaboradas, em um processo criativo que Franzão desempenha diariamente em seu ateliê, a duas quadras da Avenida Paulista. O modesto espaço, de pouco mais de 30 metros quadrados, pode ser visitado por colecionadores, mediante contato prévio com o artista por meio de sua página do Instagram (@rofranzao). Para contemplar outras faces de sua obra, também vale uma visita à galeria Arteformatto, em Pinheiros, e um passeio virtual pelo repositório Artsoul, onde é possível, inclusive, adquirir peças de coleções únicas.

 

Obra exposta em Nova Orleans - Foto divulgação

Obra exposta em Nova Orleans – Foto divulgação

0 Shares

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share via
Copy link