fbpx
logo
logo
NBA House abre dia 30 de maio para as finais da temporada 2018/19

NBA House abre dia 30 de maio para as finais da temporada 2018/19

A Casa da NBA ocupa o estacionamento do Shopping Eldorado. Foto: Divulgação

 NBA abre no dia 30 de maio seu novo espaço temático, a ‘NBA House 2019, apresentada por Budweiser’. Para presentear todos o fãs do esporte o espaço contará com mais de 20 atrações, com destaque para a quadra digital, a experiência em VR (Realidade Virtual), o Kids Club e o Troféu Larry O’Brien, além de muita música, entretenimento e distribuição de brindes oficiais. Mascotes, dançarinas e atletas também estarão na casa, animando o evento.

A ‘NBA House 2019’ tem classificação etária de 18 anos (Game Night) e a entrada de menores entre 12 e 17 anos na casa só é permitida com a presença de um responsável. Nos ‘Fan Days’, aos finais de semana, o evento é livre e maiores de 16 anos podem entrar desacompanhados. O espaço tem capacidade para receber até 2.500 pessoas simultaneamente. A estimativa é que mais de 25 mil pessoas mergulhem no universo da ‘NBA House 2019’.

Os ingressos para a NBA House 2019 estão à venda pelo site www.nbahouse.com.br com preços a partir de R$ 25,00 (Fan Day/meia-entrada – eventos com programação diurna nos dias 01.06, 02.06, 08.06, 09.06, 15.06 e 16.06) e R$ 75,00 (Game Night/meia-entrada – quatro primeiras noites de exibição dos jogos das Finais da NBA em 30.05, 02.06, 05.06 e 07.06). É possível adquirir até seis ingressos por CPF por evento, incluindo meia-entrada, por evento (será exigida a apresentação de documento comprovatório para ter direito ao benefício).

Na edição passada a NBA House ocupou casarão da Avenida Paulista. Foto: Divulgação

Confira abaixo os horários de funcionamento.
– 30 de maio – A partir das 19h – JOGO 1
– 1º de junho – 1ª sessão – 14h30min às 17h30min / 2ª sessão – 18h às 21h
– 2 de junho – 1ª sessão – 14h30min às 17h30min / A partir das 19h – JOGO 2
– 5 de junho – A partir das 19h – JOGO 3
– 7 de junho – A partir das 19h – JOGO 4
– 8 de junho – 1ª sessão – 14h30min às 17h30min / 2ª sessão – 18h às 21h
– 9 de junho – 1ª sessão – 14h30min às 17h30min / 2ª sessão – 18h às 21h
– 10 de junho – A partir das 19h – JOGO 5*
– 13 de junho – A partir das 19h – JOGO 6*
– 15 de junho – 1ª sessão – 14h30min às 17h30min / 2ª sessão – 18h às 21h
– 16 de junho – 1ª sessão – 14h30min às 17h30min / A partir das 19h – JOGO 7*
* se necessário / programação sujeita à alterações

Para mais informações, siga a NBA Brasil nas redes sociais: facebook.com/NBABrasil, instagram.com/NBABrasil e twitter.com/NBABrasil.

Shopping Eldorado

Avenida Rebouças, 3970, Pinheiros.

Lay’s promove final da Champions League no Parque Villa-Lobos

Lay’s promove final da Champions League no Parque Villa-Lobos

Marca já havia trazido a taça ao Parque Villa-Lobos. Foto: Divulgação

Depois de trazer a taça oficial da UEFA Champions League para visitação e transformar uma pelada com os amigos em uma verdadeira experiência de craque, LAY’S® retorna ao parque Villa-Lobos no sábado, 1º de junho, para mais um evento aberto ao público, com o intuito de deixar o maior campeonato de clubes do mundo ainda mais próximo dos brasileiros.

Quem for à arena LAY’S® vai poder acompanhar a final da Champions entre Liverpool x Tottenham em dois grandes telões instalados no local, com a transmissão do Esporte Interativo, emissora oficial da competição no Brasil, acompanhado de torcedores desses times e claro, muita batata LAY’S.

Além disso, ainda vai curtir diversas experiências do mundo do futebol: como pebolim humano, chute com radar de velocidade, futmesa, entre outras, e a presença dos times do Desimpedidos, 90 minutos e Esporte Interativo, que estarão lá interagindo com o público e animando a tarde.

Final da UEFA Champions League com a LAY’S

Parque Villa-Lobos – Av. Prof. Fonseca Rodrigues, 2001. Das 13h30 às 20h.

Exposição fotográfica “Ser Diretor” promove debates sobre educação pública

Exposição fotográfica “Ser Diretor” promove debates sobre educação pública

Exposição “Ser Diretor – Uma Viagem por 30 escolas públicas” retrata o cotidiano da escola pública. Foto: Divulgação

O ciclo de debates “Olhares para Educação Pública”, uma realização do Instituto Unibanco, reúne no dia 28 de maio, às 19h, o escritor indígena Daniel Munduruku, a poeta, escritora e atriz Elisa Lucinda, e o psicanalista Christian Dunker numa reflexão sobre o ensino público e o seu papel fundamental no desenvolvimento da sociedade e do país. O debate é gratuito e a mediação será feita pelas jornalistas Flávia Oliveira e Luciana Barreto.

Os debates fazem parte da programação da exposição fotográfica “Ser Diretor – Uma viagem por 30 escolas públicas brasileiras”, em cartaz até o dia 23 de junho no MIS – instituição da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Governo do Estado de São Paulo.

A exposição é composta por 40 imagens em preto e branco clicadas pelo fotógrafo e jornalista Eder Chiodetto, que foi convidado pelo Instituto Unibanco para retratar o cotidiano dos diretores escolares em 30 escolas públicas, em seis estados brasileiros. Com cenografia inspirada no jogo de luz e sombras formados pelos cobogós – tijolos vazados comuns na arquitetura de escolas-, a exposição ocupa o espaço foyer do MIS (em frente ao auditório). Chiodetto viajou por seis estados brasileiros (Rio Grande do Norte, Ceará, Piauí, Goiás, Pará e Espírito Santo) para conhecer a realidade dos gestores escolares.

O projeto “Ser Diretor” inclui  o livro “Ser Diretor: Uma Viagem por 30 escolas Públicas Brasileiras”, com download gratuito pelo site, a exposição e o ciclo de debates. É uma realização do Instituto Unibanco, organização que atua para a melhoria da qualidade do ensino médio público por meio da gestão.

O fotógrafo percorreu escolas dos estados que implementam o programa Jovem de Futuro, do Instituto Unibanco, que é desenvolvido em parceria com as secretarias estaduais de educação, e tem como foco melhorar a aprendizagem dos estudantes por meio do aperfeiçoamento contínuo da gestão escolar.

MIS – Museu de Imagem e Som

Av. Europa, 158 – Jardim Europa. Visitação:  terça-feira a sábado, das 10h às 20h; domingo, das 09h às 18h.

São Paulo Coffee Fest reúne cafeterias, torrefações e coffee lovers em festival

São Paulo Coffee Fest reúne cafeterias, torrefações e coffee lovers em festival

Evento promove também concurso de Melhor Barista de São Paulo, aulas e degustações de cafés especiais

No Dia Nacional do Café, dia 24 de maio, começa em São Paulo um delicioso festival: o São Paulo Coffee Fest. A primeira edição do evento reunirá durante duas semanas, de 24 de maio a 6 de junho, mais de 20 cafeterias, 7 torrefações e 2 escolas de café, que promoverão degustações, aulas e prêmios para os consumidores.

Uma das iniciativas do evento é o “Game do Café”, uma espécie de jogo em que os clientes que visitarem cinco cafeterias e consumirem o Combo do Barista ganham um utensílio de café.  A cafeteria que vender mais combos ganhará uma viagem com sua equipe para uma fazenda de café e também uma saca de café especial.

A seleção de cafeterias teve como critério a presença de um barista na casa e o foco em cafés especiais. Algumas das participantes são: Astronauta Café (Vila Mariana); Caffè Latte (Centro e Paraíso); HM Food Service (Pinheiros); Kofi&Co (Chácara Santo Antônio) e Onnie Café (Jardim Paulista). Entre as torrefações, destaque para a Isso É Café, da Fazenda Ambiental Fortaleza, a Revo Manufactory e a Virginia Coffee Roasters.

Concurso Melhor Barista de São Paulo

Apresentar com mais clareza o trabalho dos/das baristas, valorizando esses/essas profissionais, é outro objetivo da São Paulo Coffee Fest. Para isso, cada cafeteria homenageará seus profissionais nos nomes dos combos, e haverá o concurso Melhor Barista de São Paulo.

O concurso contará com dois/duas baristas campeões/campeãs: o do júri popular, que poderá votar no site do evento, e o do júri especializado, formado por jornalistas. Entre os prêmios dos baristas, estão uma viagem a uma fazenda de café, equipamentos e utensílios.

George Alonso declara seu amor a São Paulo em sua série [Im]pulsos da Metrópole

George Alonso declara seu amor a São Paulo em sua série [Im]pulsos da Metrópole

Quadro “Largo do Paissandu”, de George Alonso

O paulistano George Alonso estudou filosofia na USP, jornalismo na Cásper Líbero e sociologia na FESP/SP. Trabalhou em alguns dos mais importantes veículos de comunicação, como Folha de S. Paulo, Jornal do Brasil, O Globo e Diário de S. Paulo. Mas foi há alguns anos, em contato com a arte, que ele resgatou a sua verdadeira essência. “Retomei uma prática da adolescência, quando passava horas e horas debruçado sobre tintas e pincéis”, diz George.

E o resultado tem empolgado críticos e amantes da arte. Sua mais nova série, “[Im]pulsos da Metrópole”, mostra a vida de uma cidade de São Paulo – gigante, desvairada e múltipla – explodindo em telas multicoloridas. Nada em tom pastel surge nas moradias dos bairros da metrópole, nas avenidas e nas praças. Nas favelas há rios de sonhos, incêndios, inundações, voos de skate, noites de amor que não se encerram nas tonalidades cinza e laranja avermelhado, comuns dos tijolos da realidade brasileira.

Quadro “Avenida Nove de julho”

Pelo contrário, os sinais de vitalidade – diante das [in]certezas e meias verdades do cotidiano – aparecem na profusão de cores em combinações que revelam a pulsação urbana da periferia ao centro, com a pegada geométrica das arquiteturas – laje sobre laje, cubo sobre cubo.

“São Paulo é a cidade do imprevisto. Se você quer ir ao cinema das 8, pode acabar indo ao teatro das 9 ou virar um jantar das 10. A vida urbana caótica, cheia de filas, contribui para novas descobertas, que a cidade não para de oferecer. Gosto de São Paulo porque a mesma cidade que corta um desejo te dá outro. Gosto também porque a cidade liquidifica tudo e todas as modas e modinhas”, diz o artista plástico, confesso apaixonado pela capital paulista.

Contatos com o artista podem ser feitos pelo email georgealonso.bra@gmail.com ou pelo tel. (11) 99960-3825.