logo
logo

Revolução bancária com o Pix

por | nov 11, 2020 | Negócios, Noticias | 0 Comentários

Com o Pix, finalmente os brasileiros poderão realizar transferências e pagamentos livres de taxas e de forma imediata!

Pix, novo sistema de pagamentos instantâneos do Banco Central (BC)promete ser uma revolução no internet banking brasileiro. Os cadastros começaram em outubro e essa nova forma de se fazer transações fica disponível este mês, em 16 de novembro. Os clientes de qualquer instituição financeira poderão realizar operações como transferência e pagamentos a qualquer hora do dia independente do expediente bancário. Basta ter a chave de endereçamento da pessoa para quem será enviado o dinheiro – que pode ser o email, CPF, celular ou uma sequência aleatória de números – e o valor cai na conta logo em seguida. 

Algumas lacunas do sistema de pagamentos do Brasil são conhecidasNão há uma alternativa de pagamento eletrônico que seja imediato, disponível 24 horas por dia, amplamente acessívelque conecte todo mundo com todo mundo, e livre de taxasO mundo anterior ao Pix ainda é uma realidade em que você precisa informar muitos dados para fazer uma transação e precisa esperar um certo tempo até a transação ser concluída. O Banco Central vem indicando, como política pública, a eletronização dos meios de pagamento”, explica Mayara Yano, assessora no Departamento de Competição e Estrutura do Mercado Financeiro, do BC.

 

  • Save

 

Além de aumentar a velocidade em que as transferências são feitas e recebidas, o Pix tem o potencial de alavancar a competitividade e a eficiência do mercado, baixando os custos e promovendo a inclusão financeiraEmbora existam alguns arranjos de pagamento instantâneos hoje, eles são fechados, obrigam que os clientes tenham conta na mesma instituição. Com o Pix, como grande maioria das contas estarão interconectadas, não fará muita diferença para os clientes saberem onde a outra parte tem conta”, afirma. Assim, será possível transferir dinheiro entre diversos bancos, finalizando a operação em até dez segundos, pelo celular. 

Para as empresas, também há vantagens. Em casos como pagamento por boleto, o recebedor precisa esperar o cliente pagar, o que pode demorar dias a depender da data de vencimento, e esperar o tempo de liquidação da transaçãoO Pix prevê pagamento por QR Code, então há a opção de fornecer o código para o cliente pagar de maneira bastante facilitada. Com dinheiro rápido na conta, as empresas terão mais previsibilidade de receita, de capital de giro, de fluxo de caixa e de gestão de estoque”, conclui Mayara.  

 



Atente à segurança!
 

Informações importantes na hora do registro das chaves das transferências via Pix: 

principal recomendação é que os consumidores façam o cadastro das chaves apenas em ambiente logado no aplicativo ou canal eletrônico, como internet banking, da instituição em que possuem conta. Para evitar enganos na transação, recomenda-se que o cliente confira os dados do recebedor na tela de confirmação, que aparece logo antes de finalizar o pagamento do QR Code. 

 


 

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share via
Copy link
Powered by Social Snap